19 de novembro de 2011

Resenha - A hora mais Sombria - livro 4 série A Mediadora

Suzannah sofre com sua paixão por Jesse - o fantasma "muito gato e com abdômen de tanquinho", que "vive" assombrando seu quarto. Desta vez, Suzannah aproveita as férias de verão para incrementar seu guarda-roupa com o dinheiro ganho com um trabalho árduo e muitíssimo trabalhoso. Enquanto passa seus dias como babá, sonhando com aquele novo par de Manolo Blanik ou aquele vestidinho Prada, ainda arruma tempo para orientar um menino de cinco anos que se revela um mediador. Para completar, precisa fugir das cantadas do irmão mais velho do moleque, que guarda um estranho segredo.








Depois de conseguir despachar os Anjos da RLS, Suzannah começa a trabalhar em um hotel de luxo, depois de salvar a vida de Jack que quase se afogou na piscina Suze é convidada pelos pais do garota a ser babá dele.
Até ai beleza, Suze vai tirar de letra este serviço temporário, afinal Jack é um amor de menino.
Mais como já não é mais novidade, as coisas para Suzannah sempre tendem a piorar, o irmão super esquisito de Jack, começa a "perseguir" Suze e para completar ainda mais a sua "sorte" a ex noiva de Jesse, isso mesmo, Maria de Silva aparece para Suzannah com uma faca a ameaçando, se ela permitir que as obras para construção de uma piscina atrás de sua casa continuarem, as coisas para ela vão ficar muiiitoo feias.
Agora mais que nunca Suzannah está perto de descobrir o grande segredo de Jesse, o que houve com seu amado para que ele não conseguisse fazer a passagem? 
Mais isso não é o que está afligindo Suze, se ela ajudar a desvendar a morte de Jesse e ele conseguir enfim fazer a sua passagem, como Suzannah vai viver desse momento em diante? Sendo que seu mundo se tornou Jesse desde o primeiro momento em que ela o viu.

Neste 4º livro da série, Meg começa a voltar a história mais para o lado Jesse, agora vamos começar a entender o porque de Jesse morar no quarto de Suzannah e nunca comentar com ela nada do seu passado, o que o livro Reunião teve de sombrio, este livro tem de surpresas e emoções a flor da pele. Jack é um menino doce e muito medroso, pois ele tem o mesmo dom que Suzannah, porém por ser muito novo ele não sabe o que fazer com tal dom, além disso ele é amedrontado por seu irmão Paul. 
Paul é um garoto misterioso e sombrio que ao mesmo tempo em que enche Suze com suas investidas  ele ensina truques a Suzannah que ela nem sabia que poderia fazer como Mediadora. 
Maria de Silva é uma baita de uma "cretina" essa seria a palavra certa para definir este personagem. Durante todo o livro ela tortura tanto Suze quanto Jesse com suas aparições, e confesso que devorei o livro em tempo record para poder saber o que aconteceria no final.
AHH não quero dar spoiler, mais eu tenho que dizer que por se tratar do "desvendar" da história de Jesse, este foi meu livro favorito da série melhor que este só o 6º livro da série que é o último e que me deixou com gostinho de quero mais de Jesse e Suzannah.
Olha a frase piegas;
Super recomendo esta série!!!!!
AHHHH o que posso fazer se Meg é diva em tudo que escreve???
hehehe

Beijokas enormes


  







21 comentários:

- LoolaB disse...

Eu nunca li nada da Meg, tenho vontade claro porque sempre vejo o pessoal elogiando o trabalho dela.
E essa série, além de ter capas lindas trata de um assunto super doido, imagina só se apaixonar por um fantasma?
Realmente quero ler, essa tua resenha foi só para ressaltar a minha curiosidade interior
*risos*

Adorei a indicação flor.
P.S: Não me canso de admirar esse lay-out, caramba, ficou tipo perfo demais *____*

Beijinhos Brih!
@pirulitolimao

Mar disse...

Hey flor, ja li esse livro. nao achei grande coisa, na verdade a série em si não gosto muito sabes. mas fazer oque , se kiser dá um olhada na minha resenha para comparar... beijinhos. Mar

Satierf disse...

(Risos), uma coincidência.
O último livro e primeiro livro que li desta série, foi Assombrado. Um livro que me empolgou bastante, e que me incentivou a ler toda a série A Mediadora, mas nunca corri atrás de ler, e havia esquecido de procurá-los.
Hoje, passeando pelos blogs que sigo, encontrei este post no seu blog, e já me veio à cabeça as lembranças do último livro. Li sua resenha, e me empolguei novamente para o próximo.
Parabéns pelo post, escreve bem.
Bj e aparece. ;*

Vanessa Vieira disse...

Parabéns pela resenha! Estou ansiosa para ler A Mediadora! Beijos!

Luana disse...

Adorei a resenha, faz um tempo que eu quero ler essa série, afinal Meg Cabot nunca é ruim, nunca fiquei cansada ou entediada com os livros dela, preciso urgentemente achar alguém para me emprestar essa série.

Lenize disse...

Faz tempo que estou querendo ler essa série [2]
Depois que li Cabeça de Vento e Sendo Nikki ( que ganhei aqui no blog *o*) Estou apaixonada pelos livros da Meg *o* Sempre soube que os livros dela são ótimos, mas ainda não tinha tido a oportunidade de ler.
Agora essa série é super bem cotada :) Já entrou para a lista das novas leituras desde que li a resenha de Arcano Nove !
Uma ótima resenha, adoro o jeito que a Meg coloca uma pitada de humor em tudo.
Estou bem ansiosa pra ler essa série, como deve ser se apaixonar por um fantasma de abdômem tanquinho ?
kkkkkkkkkk

Beijos ♥

Ludmila disse...

Bri,
Todas as vezes que vc posta resenha de A Mediadora,sinto um friozinho na barriga.
Quero muito terminar a minha coleção... adorei A Mediadora e quero muito terminar de ler a série.
Adorei sua resenha!
Beijos

Juliana Kobayashi disse...

A Meg é maravilhosa! hj fiz postagem de um livro dela (escrito como patricia cabot)
se puder da uma passada la!
a mediadora é uma serie orima
eu me derreto td vez q jesse chama ela de hermosa!
qro um fantasma desse me assombrando! kkkk

Camila Márcia disse...

Meg é Diva! Meg é Diva... Se Jesse é principal merecemos saber o que se passou com ele e Suh precisa saber tb!!!

Quero ler, quero ler, quero ler tresloucadamente...

bjs
Camila Márcia
http://delivroemlivro.blogspot.com/

R. S. Pereira disse...

Também acho, meg escreve bem pakas! só não acho nada legal, voc~e não fazer resenhas dos outros dois!

To lendo aquele "Sendo Nicki" meu, me divirto demais a cada capitulo!

Érica Morais disse...

Adorei a resenha!! A melhor série da Meg com certeza!

Jaque Ribeiro disse...

Muito boa sua resenha! Fiquei com muita vontade de ler *-*

http://viciosinhosbasicos.blogspot.com
http://queromuitoganhar.blogspot.com
http://patinhasladecasa.blogspot.com

Andreza disse...

Meg é a Melhor \õ/ !

jayane disse...

Paul me irritou tanto nesse livro o pior e que na continuação ele me irrita mais ainda ta vontade de entrar no livro e falar umas verdades para ele e A Maria da silva essa peste ainda tem o meu sobre nome pode um negocio desse,essa nem se fala cretina e pouco para ela da vontade de bater por ela ter feito isso com o meu Jesse.

Paam disse...

A genial Meg arrasando nossos corações !

Rafaela Regis disse...

Mininaaa que capa é essa!!! *.*

Suze trabalhando num hotel?? O.O

Humm gatinho misterioso na area! ^^ Tinha que aparecer uma mulher ruim ne! Affy!!

Me diz que ela acaba com essa bixa má!

Eu querooo muito ler!!! Porque vc coloca um gato novo e uma vila nova na area!! affyy...

=*

Patrick Leal disse...

Adorei a resenha, pena q nao tem dos outros dois :/ mas a Meg é muito boa escritora mesmo ein, so ela pra ter historias tao envolventes :)

Irene milcent disse...

Quando Paul apareceu eu pensei "opa,é vem outro personagem sedutor pra pertubar meu coração(?)" Só que meu deus, eu nunca nutri tanto ódio por um personagem (exceto Maria de Silva, of course). Jesse my heart belongs to you.

mavylla sousa disse...

Resenha maravilhosa como sempre e concordo com você melhor do que este livro so o ultimo (triste)e eu totalmente odiei a maria nossa ela é totalmente cruel,que vontade de mata-la pena que ja estava morta e outra coisa o Paul é Paul não da pra dizer outra coisa ele ajuda mais atrapalha aiai meio que dor de cabeça,adorei o Jack ele e fofinho e gostei de conhecer mais a historia do Jesse pena que tem que ter essa cobra da maria pra atrapalhar e sim eu fiquei com medo de perder o maravilhoso jesse,isso não poderia nem sonhar acontecer seria o fim ...

Fátima Menezes disse...

A hora mais sombria parece ser ótimo, até para os padrões da Meg e da série A Mediadora. Finalmente, a Maria de Silva aparece (estava esperando isso a qualquer momento. Elas sempre aparecem, não?). Finalmente, conheceremos a bitch pela qual o Jesse se apaixonou. Estou louca para chegar no quarto volume da série! \o/

Ótima resenha, flor. Estou adorando seu blog cada vez mais.

Beijos,

Fátima Menezes - @fatimamd
http://recantodecaliope.blogspot.com

Effy disse...

Eu adorei este livro. Jack é um ótimo personagem, doce e inocente, ao contrário do irmão, que algumas vezes fiquei balançada e outras com raiva. Jesse com ciúmes, que amor.Maria é uma cretina mesmo, ela fez o que fez e ainda quer..deixa pra lá. E o fim, nossa nem acredito que não li o último pra saber.. Confesso que tenho saudades dos primeiros livros.
Sou orfã dessa série,não tenho nenhum livro.

Bjs :D

Postar um comentário

Poderá gostar também de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...